quarta-feira, março 21, 2007

(imagem da net)



INSTANTE






O vento passou


beijando a magnólia do jardim


Docemente a beijou...




E vestida de rosa e rôxo,


a magnólia sorriu, e ficou.


Docemente sorriu...


O vento passou.


A magnólia floriu.






autor: Alda Lara
Assinalando o dia Mundial da Poesia, e a entrada da Primavera, a estação tão aguardada, e também o dia da árvore e da floresta.

9 comentários:

Era uma vez um Girassol disse...

Três em um!!!!
Bonito poema de Alda Lara que não conhecia...
Que a Primavera nos traga mais energia e alegria!
Beijinhos

pitanga disse...

Os jardins daqui da cidade estão cheios de magnólias. Não as sabia tão lindas! Tantas cores!

beijos

Paula Raposo disse...

Bem conseguido post para assinalar um dia de muitos...beijos para ti.

kurika disse...

Gosto muito de magnólias...

...se tivesse espaço, gostaria de ter uma...

um beijinho

Luis Eme disse...

Boa escolha para tantas festas...

david santos disse...

Olá!
Passei para felicitar-te pelo teu trbalho e desejar-te um bom fim-de-semana

o alquimista disse...

Um poeta nunca morre, só se afasta um bocadinho...

Bom domingo

Doce beijo

pitanga disse...

Ana conheces um lugar chamado Paul de Arzila?

Maria disse...

Então essa anunciada paragem, para exames, só voltavas em Abril?????
Chego aqui e deparo com poesia, mais poesia, mais azulejos, mais torres novas, mais golegã, sei lá...

Deixo-te beijos pelos post que acabei de ler e que não comentei... pensando-te ausente...